AMG GT Coupe com motor híbrido ultrapassa os 800 cavalos

O AMG GT Coupe de 4 portas híbrido vai ser a nova aposta da marca alemã. Uma motorização híbrida plug-in com mais de 800cavalos e a sua chegada está prevista para o final deste ano.

AMG GT Coupe

Conseguimos perceber que existe uma aba extra no para-choque traseiro desta mula, que esconde a tomada de carga do sistema. Há também um novo emblema “E Performance” nas grelhas dianteiras do carro, que já sabemos ser a marca reservada para os próximos modelos eletrificados da AMG.

AMG GT Coupe

A nova motorização “73 e” da Mercedes-AMG será baseada no mesmo motor V8 bi-turbo de 639 cv de 4,0 litros que o atual 63 S da marca, embora apoiado por uma bateria de 6,1 kWh e um motor elétrico montado no eixo traseiro.

A parte elétrica da motorização adiciona 94 cv à produção total do GT Coupe. No entanto, o sistema também pode fornecer temporariamente até 201 cv com dez segundos de overboost, que é gerenciado por uma caixa de velocidades adicional de duas velocidades no eixo traseiro. A saída máxima combinada pode chegar a 804 cv.

AMG GT Coupe

O plug-in 73 e partilha a mesma caixa automática de nove velocidades e sistema de tração às quatro rodas que o modelo 63 S a gasolina. A Mercedes diz que o sistema de gerenciamento da motorização do GT pode redirecionar o impulso elétrico para as rodas dianteiras, se a potência adicional superar os limites de aderência no eixo traseiro.

As especificações de desempenho para o novo sistema híbrido plug-in ainda não foram confirmadas, mas a Mercedes também deu a entender que permitirá mais de 100 km apenas com energia elétrica.

AMG GT Coupe

Apesar das extensas atualizações mecânicas, a Mercedes não mexeu muito com o estilo Coupé de 4 portas do AMG GT, com base nas fotos das mulas. A única mudança perceptível é o novo pára-choque dianteiro, que apresenta entradas de ripas mais complicadas e uma grade inferior maior. Os compradores provavelmente também poderão escolher entre alguns acabamentos de pintura extras e alguns designs de jantes de liga leve.

Aqui fica o ensaio ao Mercedes AMG GT 53

Como o Mercedes-AMG GT Coupé de 4 portas está intimamente relacionado ao recentemente revisado AMG E 63 S, esperamos que receba o mesmo volante esportivo e uma gama semelhante de revisões de acabamento e estofamento. O coupe também deve adotar a versão mais recente do sistema de infoentretenimento de tela dupla de 12,3 polegadas da Mercedes.

AMG GT Coupe

Além desta motorização a Mercedes continuará a oferecer o AMG GT Coupé de 4 portas com um motor 6 cilindros em linha mild-hybrid de 3,0 litros de 429 cv ou a motorização de 4 litros de 639 cv com um V8 bi-turbo.

Artigo escrito por Filipe Duque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *