A Mazda vai começar a disponibilizar peças de fábrica para o Mazda Rx-7

A Mazda tem disponibilizado novas peças para o MX-5 “Miata” (NA) há alguns anos e até oferece um serviço completo de restauro no Japão, em que o cliente entrega o carro e depois é lhe entregue tal e qual como se tivesse a sair de fábrica pela primeira vez.

Agora está a expandir o programa de peças para o RX-7, especificamente os modelos de segunda e terceira geração, conhecidos pelos fãs como FC e FD, respectivamente.

No momento, as peças estão apenas disponíveis no Japão, mas eventualmente poderemos vê-las a serem oferecidas na Europa, tal como fizeram com as peças do MX-5.

Existem cerca de 90 peças para o RX-7, a maioria delas para a geração FD. Nisto estão incluídas todas as peças que se tendem a desgastar ou desaparecer com o tempo, como tubos de borracha, juntas, porcas e parafusos. Existem também peças mais complexas, como sensores e peças do motor.

Podem ver a lista completa aqui, embora a maior parte esteja em japonês. A Mazda também disse que esta lista apenas representa o início dos planos para as peças do RX-7 e que mais estão para vir.

Aqui fica o nosso ensaio do RX-7

A geração FC do RX-7 foi lançada em 1985. Introduziu melhorias notáveis em relação ao original, incluindo o modelo Turbo II que aumentou a potência para 200 cavalos. Era um bom carro, mas a geração FD que chegou em 1992, o RX-7 final, tornar-se-ia o ícone que tantos entusiastas amam hoje. Trouxe um novo motor rotativo equipado com uma configuração sequencial de turbo alimentação dupla.

Infelizmente, a Mazda não tem planos para um carro desportivo moderno com motor rotativo. No entanto, lançará um carro moderno com motor rotativo. A marca disse em outubro que as versões com bateria elétrica de seu SUV crossover MX-30 estarão disponíveis com um extensor de alcance rotativo a partir de 2022.

Mas a Mazda não é a única a oferecer peças de restauração para seus próprios clássicos. Existem várias marcas rivais a fazer o mesmo. Uma delas é a Nissan, que já anunciou um serviço de restauração completo para seus R32, R33 e R34 Skyline GT-Rs.

Pode ser que com este pequeno incentivo comecemos a ver mais Mazdas movidos por “doritos” nas ruas, sem dúvida uma iniciativa muito interessante para quem quiser começar o restauro de um dos japoneses mais icónicos de sempre.

Artigo escrito por Filipe Duque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *