Volvo C70 celebra 25 anos

Confortável, potente, coupé ou descapotável o C70 é sem dúvida um modelo exclusivo.

Volvo

A Volvo Cars tem apresentado, ao longo da sua história vários modelos coupé exclusivos capazes de oferecer aos seus clientes uma combinação entre exclusividade, conforto, segurança e elevada performance. Exemplos como o Volvo P1800, 262C e 780, que podem ser considerados os antecessores deste Volvo C70 Coupé, que celebra agora 25 anos.

O novo C70 Coupé foi apresentado em 1996, no Salão Automóvel de Paris, tendo a versão descapotável sido apresentada no ano seguinte. Projetado para quatro ocupantes, o Volvo C70 tinha dois bancos traseiros pronunciados e contornados, apresentando motores a gasolina com cinco cilindros com uma potência a variar entre os 163 e os 240 cv. Tinha como possibilidades de transmissão a opção de manual de 5 velocidades ou automática de 4 ou 5 velocidades. Esta 1ª geração foi produzida na fábrica da Volvo em Uddevalla, na Suécia. No total do seu ciclo de vida foram produzidas 70.031 unidades (coupé 24.395 e descapotável 45.636)

Volvo


A 2ª geração do C70 coupé, ou simplesmente C70, foi apresentada em 2005, no emblemático Salão de Frankfurt. Tinha como objetivo criar dois automóveis num só, sem comprometer nenhum. Isto era possível através de um tejadilho amovível de três peças capaz de transformar o coupé num descapotável através de um toque num botão. Este modelo foi desenvolvido em estreita colaboração com a Pininfarina em Itália.

Volvo

A Volvo Cars era responsável pelo design, enquanto o desenvolvimento e a produção eram feitos em estreita colaboração com a Pininfarina. Na realidade, muitos dos colaboradores da Volvo responsáveis por estas etapas estiveram toda a fase de desenvolvimento em Turim. À imagem do seu antecessor, também o C70 foi produzido na fábrica de Uddevalla.

Volvo

Apresentava motores de 4 cilindros e 5 cilindros em linha a gasolina dos 140 aos 230 cavalos e pela primeira vez opções a diesel que variavam dos 136 aos 180 cavalos. A nível de transmissão este equipava uma transmissão manual de 6 velocidades ou automática de 5 ou 6 velocidades. Viu o seu fim de produção em 2013, altura em que foi descontinuada. No total foram produzidas 89.074 unidades deste modelo de 2 portas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *