O novo Mercedes-Benz Classe S foi encontrado a passear

A nova linha AMG do classe S anda a ser testada na Europa e desta vez conseguimos obter mais detalhes sobre o modelo de luxo alemão.

Esta actualização do modelo vai ser revelada em Setembro deste ano mas até lá conseguimos adiantar algumas das características que marcam este carro. O novo Classe S vai contar com a linha AMG, os pára-choques bem como as saias laterais passam a ser mais desportivos. De um modo geral o modelo mantém as mesmas linhas mas torna-se mais moderno e agressivo.

Existem agora novidades como pegas de porta embutidas, luzes em LED na frente e na traseira são algumas das novidades. Ainda modelo continua a ter símbolos mais tradicionais como a uma grelha tradicional da Mercedes

No interior sabemos que o modelo conta com bastante tecnologia, o destaque segue para o ecrã, standart em todas as versões, do infotainment OLED com quase 13 polegadas. Este destina-se ao GPS e a todos os interfaces digitais do veículo como o sistema de som, o ar condicionado ou ainda sistemas de segurança. O painel de instrumentos também recebe esta nova tecnologia de modo a tornar o modelo mais moderno.

Esta próxima geração do Classe S conta ainda com algumas tecnologias curiosas. Direcção às quatro rodas, que permitem um circulo de viragem de apenas 11 metros, bastante positivo para um modelo com mais de 5 metros de comprimento. Estas viram no sentido das rodas da frente quando a velocidade é mais elevada para melhorar a estabilidade.

Em termos de segurança esta nova versão do modelo de luxo alemão é o primeiro automóvel de produção, segundo a Mercedes-Benz, a estrear airbags nas cabeceiras dos bancos da frente. Estes actuam para os passageiros traseiros tal como os airbags do tablier actuam para os passageiros da frente. O modelo ainda oferece mais tecnologias como a suspensão subir em caso de colisão para evitar danos mais graves ou os cintos iluminados para serem mais fáceis de encontrar.

Este é um modelo carregado de inovação e tecnologia que para uns é essencial e para outros não é necessária. Contudo não deixa de ser interessante conhecer todos estes sistemas que mais tarde passam a ser instalados em modelos de gamas inferiores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *